Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Bom Filho

Bom Filho

11 de Agosto, 2021

Posso dar sangue depois de tomar a vacina para a Covid-19?

Veja este artigo em vídeo:

Ou leia o texto:

Olá!

Em Janeiro deste ano, saiu a notícia de que as reservas de sangue estavam em níveis preocupantes, sendo que a descida nas dádivas poderia estar relacionada com a pandemia e o confinamento [ver notícia]. Há dias, o assunto voltou a ser notícia, relativamente às reservas de sangue de grupos negativos [ver notícia].

A este respeito, há duas coisas que eu gostaria de dizer. A primeira tem que ver com mensagens que circulam nas redes sociais sobre falta de sangue. Felizmente, já há algum tempo que não recebo nenhuma, mas houve uma altura em que eram o pão nosso de cada dia — e eram, obviamente, falsas. Quando as reservas escasseiam, não é através de mensagens espalhadas por correio electrónico, pelo Facebook ou por mensagem no WhatsApp que se repõem; é através de apelos feitos em canais de comunicação credíveis, como estes a que assistimos este ano. Aliás, como regra geral, nenhum pedido de ajuda feito através das redes sociais é legítimo, portanto desconfie sempre que lhe disserem que um bebé está a morrer e a sua única esperança de sobreviver é esta mensagem ser reencaminhada vinte milhões de vezes.

A segunda coisa que eu gostaria de dizer tem que ver com a dádiva de sangue no contexto da Covid-19. A dúvida mais premente é se se pode dar sangue depois de tomar a vacina para a Covid-19 e a resposta é: sim — desde que, claro, se sinta bem e não tenha sintomas de Covid-19, porque, se assim for, é melhor ficar em casa. Os anticorpos desenvolvidos através da toma da vacina em nada alteram a qualidade do sangue usado nas transfusões, pelo que não há qualquer razão para que as pessoas vacinadas não possam doar.

Por outro lado, doar sangue também não reduz o nível de protecção do dador relativamente ao coronavírus. As vacinas contra a Covid-19, embora algumas delas usem uma tecnologia nova, não são diferentes das outras vacinas do Programa Nacional de Vacinação. Todos nós estamos (ou devíamos estar) vacinados contra o sarampo, a papeira, a rubéola, etc. e não é por isso que deixamos de poder doar sangue, nem ficamos desprotegidos contra essas doenças, se o fizermos.

Em termos de tempo, as vacinas contra a Covid-19 actualmente disponíveis em Portugal também não impedem uma pessoa de doar sangue logo no dia seguinte. Existem algumas vacinas que poderão obrigar a esperar duas semanas, mas nenhuma das que se administram, para já, no nosso país faz parte desse grupo.

Portanto, se costuma doar sangue, não se deixe assustar pela vacina. Se não costuma, pondere começar. É uma bela forma de ajudar a salvar uma vida.

Gostaste? Partilha e deixa quem gostas gostar também!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.